a Bombinhas em Foco ( 18/12/2017 ) a

Dois cadáveres aparecem boiando na região

Corpos de dois homens foram encontrados boiando na praia de Bombinhas e no rio Itajaí-mirim, em Itajaí, entre o comecinho da noite de sexta-feira e a tardinha de sábado. Apenas um deles foi identificado pelas otoridades e outro acabou sendo enterrado como indigente.
O primeiro a ser localizado foi o de um rapaz com idade estimada entre 25 e 30 anos. Populares avistaram o cadáver boiando no Itajaí-mirim na comunidade de Laranjeiras, zona rural de Itajaí. O corpo foi recolhido pelos bombeiros e levado para o instituto Médico Legal de Itajaí.
Os peritos acreditam que ele tenha morrido há pelo menos 10 dias. A teoria dos técnicos do IML é que ele teria morrido por afogamento. Como o corpo estava em adiantado estado de podridão, a perícia para saber se ele sofreu alguma violência antes de cair ou ser jogado na água ficou prejudicada.
Sem condições de manter o cadáver na geladeira, os técnicos do IML tiveram que mandar enterrá-lo como indigente. O rapaz tinha aproximadamente 1,80m, tatuagem nos braços e usava uma jaqueta marrom, calça jeans e tênis.

Nas Bombinhas
Na praia de Bombinhas, pescadores avistaram o corpo de Eronildo Francisco, 49 anos, boiando próximo aos costões. Foi preciso acionar o helicóptero de resgate do corpo de Bombeiros Militar de Floripa pra tirar o cadáver da água. O mar estava agitado demais.
Os técnicos do IML de Balneário Camboriú informaram que Eronildo morreu afogado. Ele teria saído de casa na sexta-feira e a família não sabia do seu paradeiro. Até ontem à tarde, a polícia Civil, responsável por investigar a morte, não sabia do caso.



Fonte: DIÁRIO DO LITORAL (Litoral Catarinense)

 

 

 

 

 

 

banner

Copyright © 2007 Todos os Direitos Reservados - Fazendo Site