a Bombinhas em Foco ( 16/07/2018 ) a

Santa Catarina assina financiamento com governo japonês

Um financiamento de R$ 281.451 milhões foi assinado nesta quarta-feira entre o governador Leonel Pavan e uma agência de cooperação japonesa, Jica. Os recursos devem ser aplicados em serviços públicos de saneamento básico de Florianópolis. Balneário Barra do Sul, Penha, Piçarras e Bombinhas, também serão beneficiadas. Os investimentos incluem a melhoria do abastecimento de água e do tratamento de esgotos urbanos. O custo total do projeto será de R$ 395,409 milhões. O dinheiro restante R$ 113,958 milhões virá da Casan. Agora, o governador deverá abrir uma licitação internacional para realizar as obras, que devem iniciar no final deste ano e ser concluídas em cerca de três anos. Florianópolis receberá quase 80% dos investimentos (cerca de R$ 215 milhões), que serão usados em obras nas praias de Ingleses, Lagoa da Conceição, Ribeirão da Ilha e Pântano do Sul, além dos bairros de Saco Grande, Monte Verde, João Paulo. O restante irá para os outros quatro municípios para serem aplicados na instalação e ampliação de oito estações de tratamento de esgotos. A intenção é que o investimento colabore com a atividade da maricultura catarinense, já que o projeto de saneamento das praias vai assegurar a qualidade dos meios de produção.
Os juros do empréstimo são mais baixos que as cartas de crédito comuns, na base de 1,2% ao ano, com sete anos de carência e prazo de 25 anos para pagamento.
O governo japonês também confirmou que uma equipe técnica do Jica já começou a desenvolver projeto sobre medidas de prevenção contra desastres naturais no Vale do Itajaí.
Leonel Pavan viajou no último domingo, acompanhado do presidente da Companhia Catarinense de Águas e Saneamento (Casan), Walmor de Lucca. O retorno será na sexta-feira, 2 de abril.



Fonte: A NOTÍCIA (Joinville – SC)

 

 

 

 

 

 

banner

Copyright © 2007 Todos os Direitos Reservados - Fazendo Site